O Trono da Evolução – Obaluaiê e Nãnã

Publicado por cartascompedro em

O Trono da Evolução – Obaluaiê e Nanã, começamos essa série e damos inicio a essa jornada com o primeiro trono da semana, o trono divino da evolução, cujo as suas forças são assentadas segunda feira e é o trono que irradia a todos os seres os sentidos da evolução.
Em nosso planeta habitam 14 forças que são regentes universais e cósmicos de 7 princípios divinos (fé, amor, evolução, geração, lei, justiça, e conhecimento).
Na Umbanda, o trono da Evolução é regido por duas energias, uma masculina e outra feminina, uma positiva e outra negativa, o perfeito equilíbrio é entoado por duas forças, cada cultura da antiguidade tinham nomenclaturas diferentes para cada força, nós iremos chama-los de orixá (força divina da natureza).

O Trono da Evolução - Obaluaiê e Nãnã

 O Trono da evolução 

No campo magnético positivo, masculino e irradiante, está assentado o Orixá Natural Obaluaiê, cuja qualidade é transmutar, transformar, modificar, Rege a evolução de todos os seres vivos terrestres
 
No magnético negativo, feminino e absorvente está assentada a Orixá Nanã Buruquê, cuja a qualidade é decantar energias negativas, vícios, pensamentos desvirtuosos. Rege a maturidade e o lado racional dos seres.
 
Ambos são Orixás de magnetismo e força mista. zelam, cuidam e protegem as passagens dos estágios evolutivos, como exemplo prático, podemos dizer que nanã “decanta” o espirito que irá passar pelo processo reencarnatório e obaluaiê liga ou finda o cordão espiritual que liga o espirito a matéria.
 
O orixá obaluaiê é muito associado a cura, pois a energia manifestante do orixá curá mesmo! mais ele é a essência da alquimia, do verbo transmutar entendemos modificar o estado de algo para além. ou seja, é o orixá que detêm total poder sobre a magia e as transformações nela contidas. utilizar esta força positivamente é um fato que temos que levar a sério pois hoje vemos muitas pessoas defasadas em seu processo evolutivo por “brincar” com magia.
 
Quando falamos de aspectos positivos e negativos deste trono, procuro sempre aconselhar a utiliza-los, seja qual for a ocasião de forma positiva, não se faz qualquer tipo de magia natural sem consequências, o trono da evolução possui guias, mentores e falangeiros de orixás intolerantes quando o assunto é negativar a magia e não é difícil vermos “supostos” pais de santo, utilizando negativamente o poder deste trono para fazer o mal ou satisfazer seus próprios interesses e anos depois apodrecendo em sua própria existência!
 
Hoje deixo para vocês algumas formas de pedir auxilio ao trono da evolução, para:
-Recém desencarnados;
-Saúde mental, saúde espiritual, saúde mental, saúde financeira, saúde emocional;
-Caminhos e processos que precisam de transformação;
-Vícios e limpezas de caminhos negativos e desvirtuosos
 

Velas para o trono da evolução

roxa e violeta – acender sempre as segundas feiras (quando o sol estiver indo embora) 18:00;
 

Pedras para o trono da evolução

turmalina, ametista, ônix,
ótimas para a entrada da casa para transmutar e decantar energias negativas, corte de invejas, pragas, doenças e mau olhado
 

Ervas com a energia de Obaluaiê

Ervas de quente de obaluaiê: Casca de alho, casca de cebola roxa, mamona, picão preto
Verbos: limpar, descarregar, transformar, transmutar, modificar
Ervas mornas de obaluaiê:barba de velho, sete sangrias, folha de beterraba, sabugueiro
Verbos: estabilizar, flexibilizar, curar, sanar, sarar
 

Ervas com a energia de Nãnã

Ervas de quente de nanã: pinhão roxo, peregum roxo
Verbos: afogar, decantar, alagar
Ervas mornas de nanã: alfavaca, mentruz, cana do bréjo
Verbos: apaziguar, regenerar, renovar

 


 
Espero que tenham gostado, deixe seu like, curta e compartilhe nosso blog e postagens e acompanhem as novidades em nossa loja esotérica aqui no site
 
Amanhã falaremos sobre o trono da lei, não percam !!!!
  
Compartilhe...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.